Encontro com a Palavra de Deus – XXV Domingo do Tempo Comum - ANO B

XXV DOMINGO TEMPO COMUM – ANO B

 

19 setembro 2021

 

1ª Leitura – Sab 2, 12.17-20: Condenemo-lo à morte infame.

 

Salmo 53: O Senhor sustenta a minha vida.

 

2ª Leitura – Tg 3, 16-4,3: O fruto da justiça semeia-se na paz.

 

Evangelho – Mc 9, 30-37: Quem quiser ser o primeiro será o servo de todos.

 

 

A PALAVRA É MEDITADA

Com frequência o evangelho nos reserva contrastes violentos. O evangelista Marcos prefere-os e sublinha-os porque justamente os considera particularmente eficazes para a sua comunidade feita de gente proveniente do paganismo.

Hoje ouvimos primeiro Jesus que pela segunda vez preanuncia a sua paixão e morte e logo a seguir a discussão dos apóstolos sobre quem deles seria o maior. Da parte do Filho de Deus há via dolorosa da extrema humilhação ditada pelo amor que quer redimir-nos pagando com o dom da vida, da parte dos apóstolos a procura de honras e de primeiros lugares.

Jesus, o primeiro em absoluto, afirma: «Se alguém quer ser o primeiro, seja o último de todos e o servo de todos». De facto, Ele sentar-se-á primeiro no trono da cruz, humilhado, maltratado e desafiado. Será posto num sepulcro e depois ao terceiro dia aparecerá glorioso e triunfante.

Ora, o Primeiro e o Último, o Alfa e o Omega, senta-se à direita do Pai na plenitude da glória. Entramos assim no mistério e no escândalo da cruz. Entramos na verdade última do viver e do morrer. Descobrimos, precisamente onde se esconde a injustiça, o ódio, a morte, os misteriosos percursos do verdadeiro primado, que se exprime só e exclusivamente com a força do amor. Essa jorra do próprio Deus e é já em si adornada de perfeição. Quanta miséria e quanta presunção da parte do homem: depois daquele primeiro pecado, quantos outros erros se acumularam. Quantas escravidões experimentámos enquanto procurávamos as nossas glórias e queríamos afirmar os nossos primados!

 

 

É REZADA

Coragem, irmão que sofres.
existe também para ti
uma deposição da cruz.
existe também para ti uma piedade sobre-humana.  
Eis já uma mão furada  
que desprende a tua do lenho...
Coragem.
Faltam poucos instantes para as três da tarde.  
Daqui a pouco, o escuro cederá o lugar à luz,  
a terra voltará a readquirir as suas cores
e o sol da Páscoa
irromperá entre as nuvens em fuga.

Ámen”

 

 

 (In, Qumran2.net e LaChiesa.it - tradução livre de fr. José Augusto)

 


eşya depolama izmir escort kartal escort gebze escort antalya escort şişli escort ümraniye escort anadolu yakası escort saç ekimi porno mecidiyeköy escort anadolu yakası escort 1xbet best10
gaziantep escort